Header Ads

Crítica | O Acordo

A maior qualidade de O Acordo (Snitch, 2013), novo longa do cineasta Ric Roman Waugh (Felon), é também o seu maior defeito. Se por um lado é preciso dar méritos aos realizadores pela coragem de fazer um filme que, apesar de ser estrelado por Dwayne "The Rock" Johnson, opta por uma narrativa densa e focada nos personagens – e baseado em uma história real –; é notável também que o ator ainda não atingiu o nível de dramaticidade que o papel requer, o que acaba prejudicando o resultado final.

Escrito pelo próprio Waugh, em parceria com Justin Haythe (do vindouro O Cavaleiro Solitário), o roteiro acompanha um pai de família (Johnson, visto recentemente em GI Joe - Retaliação) que se infiltra num esquema de tráfico de drogas na tentativa de auxiliar a polícia a conseguir condenações, e com isso reduzir a pena do seu filho – acusado de tráfico por ter recebido um pacote de ecstasy como favor para um amigo. Para isso ele conta com a ajuda (a contragosto) de Daniel James (Jon Bernthal, da série de TV The Walking Dead), um ex-condenado que o introduz no submundo do crime.

Ainda que a premissa do pai tentando salvar o filho seja uma das mais básicas do cinema de ação, Waugh merece destaque por evitar cair na armadilha mais comum do gênero: a inserção de cenas de ação desnecessárias. Sendo assim, cada perseguição ou tiroteio visto durante a projeção tem uma função específica dentro da história. Vale destacar também que, mesmo no clímax do filme, o diretor opta por uma abordagem bastante contida e funcional.

O problema é que o restante do longa é construído de maneira bastante esquemática, o que prejudica o desenvolvimento dos personagens. A relação problemática entre pai e filho, que é a base do filme, não é nada convincente; assim como as brigas entre o protagonista e sua ex-mulher (outro ponto dramático importante), que acabam soando falsas.

Mas o maior defeito de O Acordo é mesmo o seu ator principal. Por mais que se esforce para dar vida a um simples pai de família (e ele se esforça), seu porte físico e sua inexpressividade nas cenas dramáticas impossibilitam qualquer dramaticidade ou complexidade em seu personagem. Ainda que a ideia de escala-lo para o papel seja interessante, a realização mostrou-se problemática. E essa transição do nome do astro parece não ter se completado aqui. Ele ainda está mais para The Rock do que para Dwayne Johnson.

(Snitch - Policial - EUA - 2013 - 112 min)
Direção: Ric Roman Waugh
Roteiro: Ric Roman Waugh e Justin Haythe
Elenco: Dwayne Johnson, Jon Bernthal, Susan Sarandon, Michael Kenneth Williams, Rafi Gavron, Barry Pepper, Benjamin Bratt, Nadine Velazquez.


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.