Header Ads

Roteirista de Cinquenta Tons de Cinza ainda não assistiu ao filme


A roteirista Kelly Marcel, responsável pela adaptação do best-seller Cinquenta Tons de Cinza, ainda não assistiu ao filme.

Durante uma entrevista ao podcast PodcastOne, do escritor Bret Easton Ellis, Marcel disse que "Muita coisa aconteceu em 'Cinquenta Tons' que realmente quebrou o meu coração".

A roteirista também falou da sua relação com a escritora E.L. James, autora do livro que deu origem ao filme. "Ela sempre me deixava lutar pelas coisas que eu sentia apaixonada", contou Marcel. "Mas ela ainda foi muito corajosa em relação ao que ela deixou cortar".

Vários relatos anteriores, no entanto, apontam que o motivo da saída da diretora Sam Taylor-Johnson, que não vai retornar para a sequência, foi exatamente a intromissão de James sobre a direção do filme.

O controle da autora é tanto, que quem vai escrever a continuação, intitulada Cinquenta Tons Mais Escuros, será o seu marido, Niall Leonard (série Wild at Heart).

Cinquenta Tons Mais Escuros tem estreia marcada para fevereiro de 2017. Confira a nossa crítica do primeiro filme aqui.

Gostou do post? Então aproveite e curta a nossa página no Facebook e siga a gente no Twitter. Também não esqueça de deixar a sua opinião no campo de comentários abaixo.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.