Header Ads

Associação Brasileira de Críticos de Cinema elege os melhores filmes do ano



A ABRACCINE - Associação Brasileira de Críticos de Cinema (da qual eu faço parte) divulgou os vencedores da 5ª edição da sua premiação anual dos melhores filmes do ano.

Na categoria de Melhor Filme Estrangeiro, o vencedor foi Adeus à Linguagem, de Jean-Luc Godard. O elogiado Que Horas Ela Volta?, de Anna Muylaert, foi o vencedor na categoria de Melhor Filme Nacional. E Quintal, de André Novais, foi eleito o Melhor Curta.

Para os prêmios de longa-metragem, concorreram os 419 filmes, brasileiros ou estrangeiros, lançados no circuito comercial no Brasil entre 18 de dezembro de 2014 e 10 de dezembro de 2015. Na categoria curta metragem o recorte foi outro: concorreram filmes brasileiros exibidos durante o ano de 2015 em mostras, festivais e demais eventos cinematográficos.

Paulo Henrique Silva, presidente da Abraccine, afirma que “pelo fato de a entidade reunir os críticos de diversos veículos e estados, a premiação passa a ser, de certa maneira, o grande prêmio da crítica brasileira, uma importante síntese do pensamento crítico sobre o ano que passou”. Ele ainda afirma que o prêmio da ABRACCINE “é concedido através de um processo rigoroso e seletivo, a partir de uma intensa discussão entre os seus associados, em que se deve levar em conta, fundamentalmente, o investimento em novas linguagens”.

Fundada em julho de 2011, a ABRACCINE tem hoje cerca de uma centena de associados em 15 estados brasileiros. Sua missão é promover formas de pensamento crítico, reflexão e debate sobre o Cinema.



E você, concorda com essa lista? Deixe a sua lista de melhores filmes nos comentários abaixo.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.