Header Ads

John Carpenter considera Sexta-Feira 13 um filme cínico e horrível



O auto-intitulado mestre do horror John Carpenter, criador de uma das melhores franquias de slasher da década de 1980, Halloween, criticou duramente os filmes de Sexta-Feira 13, outra franquia bastante conhecida, durante a sua participação no podcast do escritor Bret Easton Ellis (ouça aqui).

Carpenter afirma que Sexta-Feira 13 é um filme que deriva do sucesso de Halloween, e assim como na maioria dos filmes de slasher, não consegue ver ali nenhum valor artístico. Sobre a comparação entre os dois, ele afirma que: "Uma nasce de uma ideia orgânica e tem o olhar de um verdadeiro artista trabalhando. E em Sexta-Feira 13 eu sinto que me parece muito cínico. É uma realização muito cínica", afirmou, que ainda disse que é um filme barato que não emerge acima do seu baixo preço.

"Eu acho que a razão que todos esses filmes slashers aconteceram na década de 1980 é porque um monte de gente disse: 'olhe para esse filme Halloween. Foi barato, mas olhe quanto dinheiro fez! Nós podemos fazer tanto dinheiro assim. Isso é o que os adolescentes querem ver'. Então eles começaram a fazê-los, [...] e a maioria deles era horrível", disse Carpenter.
Realmente há de se admitir que a maioria dos filmes slashers da década de 1980 tiveram resultados inferiores, ainda mais quando comparados a Halloween. Ainda assim, acho que a comparação com Sexta-Feira 13 é inválida. Na minha revisão do filme, reconheci muitos aspectos narrativos da direção de Sean S. Cunningham que me chamaram muito atenção, enquanto outros realmente deixaram a desejar. Acho que Sexta-Feira 13 é um filme mediano, mas não chega a ser horrível como Carpenter fala.

John Carpenter atualmente está envolvido com o próximo filme da franquia Halloween, que será produzido pela Blumhouse, melhor produtora de terror da atualidade. Já Sexta-Feira 13 deve ganhar um novo remake, previsto para 2017.


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.